Tucunaré-açu


Nome científico: Cichla temensis

Família: Cichlidae

Outros nomes comuns: Tucunaré, sarabiano.

Onde vive: Nativo da bacia amazônica, nos rios de água preta e clara (limpa).

Tamanho: Pode alcançar mais de 1 m e 12 kg. O recorde homologado pela IGFA é de 12,24 kg, capturado no rio Negro, AM, em 1 994.

O que come: Basicamente, peixes.

Quando e onde pescar: No período seco, durante o dia, nos rios de água preta da bacia do rio Negro.

Status de conservação: Em alguns locais, os grandes exemplares já não existem mais, devido à grande pressão de pesca.

 

fonte: Bíblia do pescador 2010

Dicas de Pesca

Os igarapés e as bocas de lagoas costumam render os maiores exemplares de açus. Em épocas de águas muito baixas, procure as lagoas perenes e faça arremessos com grandes iscas de superfície em direção ao meio do lago, é onde os grandes casais costumam ficar. Caso o peixe se embrenhe na vegetação, tenha calma; destrave a carretilha ou molinete, e peça para o guia descer da embarcação e trazê-lo com calma.

Jum Tabata
05/01/2015
Compartilhe:

Agenda

Próximos Eventos


@revistapescaesportiva

Twitter

Assine a Revista Pesca Esportiva com 7% de desconto e frete grátis.