Pirarara


Nome científico: Phractocephalus hemioliopterus

Família: Pimelodidae

Outros nomes comuns: Peixe-arara.

Onde vive: Bacias amazônica e do Tocantins-Araguaia.

Tamanho: Até 1,4 m e mais de 50 kg. O recorde homologado na IGFA é de 55 kg, capturado no rio Amazonas em dezembro de 2 008.

O que come: Frutas, sementes e peixes.

Quando e onde pescar
Durante o dia e a noite, em poços ou canais de rio com muitas estruturas.

Status de conservação: Na bacia do Tocantins-Araguaia, é espécie protegida, segundo normas da Portaria n°03 de 2 003 da Agência Ambiental do Estado de Goiás.

 

fonte: Bíblia do pescador 2010

Dicas de Pesca

Apesar de atacar vários tipos de iscas de peixes, em pedaços ou inteiros, a pirarara tem especial atração por pequenas piranhas iscadas vivas. Certifique-se de estar usando equipamento reforçado, especialmente vara e linha (que pode chegar a mais de 1 mm), ou a pirarara arrebentará tudo em sua primeira corrida.

Jum Tabata
05/01/2015
Compartilhe:

Agenda

Próximos Eventos


@revistapescaesportiva

Twitter

Assine a Revista Pesca Esportiva com 7% de desconto e frete grátis.