Piraputanga


Nome científico: Brycon hilarii

Família: Bryconidae

Outros nomes comuns: Matrinxã, pirapitanga.

Onde vive: Bacia do rio Paraguai.

Tamanho: Até 50 cm e 2,5 kg. O recorde homologado na IGFA é de 3,36 kg, capturado no rio Arinos, MT, em 1 997. Contudo, o recorde deve ser de Brycon amazonicus, já que a piraputanga não ocorre na região em que o recorde foi homologado. O recorde verdadeiro, homologado de maneira inadequada como Brycon orbignyanus, é de 0,62 kg.

O que come: Espécie onívora, alimenta-se de sementes, insetos e peixes menores.

Quando e onde pescar: Durante o dia, em locais de água corrente e próximos a árvores frutíferas.

Status de conservação: Espécie protegida.

 

fonte: Bíblia do pescador 2010

Dicas de Pesca

Além de poder ser pescada com frutos, tuviras, pedaços de peixe e minhocas, a piraputanga ataca pequenas iscas artificiais como spinners, colheres, plugs de meia-água e streamers de fly. Arremessar debaixo de ninhais (árvores que reúnem vários pássaros) é a certeza de ataques, devido ao acúmulo de matéria orgânica representado pelas fezes de pássaros, que atraem peixes menores.

Jum Tabata
05/01/2015
Compartilhe:

Agenda

Próximos Eventos


@revistapescaesportiva

Twitter

Assine a Revista Pesca Esportiva com 7% de desconto e frete grátis.