Pintado


Nome científico: Pseudoplatystoma coruscans

Família: Pimelodidade

Outros nomes comuns: Surubim-pintado, surubi, moleque, spotted catfish.

Onde vive: Bacias dos rios Paraná, Paraguai, Uruguai e São Francisco.

Tamanho: Até cerca de 1,7 metro e 100 kg. O recorde homologado pela IGFA é de um peixe de 53,5 kg capturado no rio Paraná, em 2 000.

O que come: Peixes pequenos.

Quando e onde pescar: O ano todo (menos durante a piracema), em margens com vegetação aquática e nos leitos dos rios, bem como em confluências.

Status de conservação: Na bacia do São Francisco, em seu alto e baixo curso, praticamente desapareceu, restando populações no terço médio do rio, onde ainda é possível encontrar lagoas marginais e um longo trecho sem influencia de barragens.

 

fonte: Bíblia do pescador 2010

Dicas de Pesca

As iscas naturais mais usadas são a tuvira e peixes inteiros, vivos ou não, e em pedaços. Com artificiais, as capturas normalmente acontecem no sistema de corrico (no MT, a prática não é permitida), embora ocorram capturas eventuais com iscas de meia-água ou profundidade no arremesso. No rio São Francisco, a pesca ocorre fundamentalmente à noite, principalmente com isca de minhoca ou minhocoçú. No Pantanal, a preferência é pela pesca de rodada com iscas naturais, ao amanhecer e anoitecer.

Jum Tabata
05/01/2015
Compartilhe:

Agenda

Próximos Eventos


@revistapescaesportiva

Twitter

Assine a Revista Pesca Esportiva com 7% de desconto e frete grátis.