Jacundá


Nome científico: Crenicichla spp.

Família: Cichlidae

Outros nomes comuns: Joaninha, nhacundá, joana, mariana, sabonete e peixe-sabão.

Onde vive: Bacia amazônica e dos rios Tocantins-Araguaia, Paraná, Paraguai, Uruguai, São Francisco e bacias costeiras.

Tamanho: Até 30 cm e 1,5 kg. Duas espécies têm recorde homologado na IGFA: Crenichla lenticulata, com dois peixes de 0,9 kg capturados, um no rio Água Boa, RR, em 2 008, e outro no rio Tapera, em 2 005. A outra espécie é C. lugubris, com 0,79 kg, capturado no rio Itapará, AP, em 2 004.

O que come: Os adultos consomem peixes e insetos, e os jovens também se alimentam de moluscos e crustáceos.

Quando e onde pescar: O ano todo, durante o dia e a noite. Preferem locais com estruturas para a proteção.

Status de conservação: Não ameaçado.

 

fonte: Bíblia do pescador 2010

Dicas de Pesca

Extremamente agressivo, o jacundá ataca muito bem iscas artificiais dos mais variados tipos, desde spinners até metal jigs, sem esquecer das iscas de barbela, com nítida preferência por modelos coloridos e trabalhos lentos.

Jum Tabata
05/01/2015
Compartilhe:

Agenda

Próximos Eventos


@revistapescaesportiva

Twitter

Assine a Revista Pesca Esportiva com 7% de desconto e frete grátis.