Bagre-cabeçudo


Nome científico: Aspistor luniscutis

Família: Ariidae

Outros nomes comuns: Bagre-beiçudo, gurijuba, cangatá, bagre-caiacoco, bagre-guri e ariaçu.

Onde vive: Ocorre das Guianas ao Paraná.

Tamanho: Atinge 1,2 metro e mais de 10 quilos.

O que come: Carnívoro.

Quando e onde pescar: O ano inteiro, geralmente no mar quando adulto e os jovens nos mangues e estuários

Status de conservação: Não ameaçado.

 

fonte: Bíblia do pescador 2010

Dicas de Pesca

Pode ser capturado na pesca embarcada de fundo, e também na modalidade de pesca de praia. O bagre prefere áreas de lama em baías e estuários, bem como mares e praias com águas mais escurecidas, muitas vezes após chuvas fortes. As iscas prediletas são os sarnambis, as sardinhas em pequenos filés e os camarões. Na pesca de praia, vale a pena deixar a linha um pouco mais frouxa para capturá-los, já que são peixes lentos ao atacarem a isca.

Jum Tabata
05/01/2015
Compartilhe:

Agenda

Próximos Eventos


@revistapescaesportiva

Twitter